veja cidades que já estão aplicando

 veja cidades que já estão aplicando

[ad_1]

Dos dez municípios com mais habitantes de São Paulo, sete já começaram ou têm data para iniciar a imunização contra a covid-19 de pessoas com 18 anos ou mais utilizando a vacina bivalente da Pfizer.

O que aconteceu?

Na segunda-feira (24), o Ministério da Saúde anunciou que a dose de reforço já estava liberada. A vacina bivalente é elaborada para oferecer proteção extra contra a cepa ômicron e suas subvariantes.
Ontem (25), o governo do Estado de São Paulo determinou que municípios com doses disponíveis ampliem a vacinação.
Todos que receberam a última ração de reforço há pelo menos 4 meses podem se imunizar. Não será mais necessário justificar a comorbidade, diz orientação do Ministério da Saúde.

Veja quando os dez maiores municípios do estado começam a vacinar:

São Paulo

A Prefeitura de São Paulo informou que começou hoje a ampliação da vacinação com a bivalente para a população supra de 50 anos. Não disse, porém, quando pretende iniciar a vacinação de outras faixas etárias.

“Porquê são mais de 9 milhões de pessoas supra de 18 anos na capital, vamos ampliar a vacinação conforme o recebimento de novos lotes”, disse o secretário municipal da Saúde, Luiz Carlos Zamarco.

Atualmente a vacina está disponível a todos supra de 60 anos, além de maiores de 12 anos com imunossupressão ou comorbidades, indígenas, gestantes e puérperas, residentes em Instituições de Longa Permanência e funcionários desses equipamentos da cidade de São Paulo, profissionais da saúde, pessoas com deficiência física permanente, população privada de liberdade e funcionários do sistema prisional, além da população em situação de rua.

Guarulhos

A cidade seguiu o mesmo esquema da capital. Hoje ampliou a vacinação para pessoas com 50 anos, mas não informou quando deve iniciar a vacinação de pessoas a partir dos 18 anos.

“Imunossuprimidos maiores de 12 anos, gestantes, puérperas, indígenas e residentes em instituições de longa permanência e idosos supra de 60 anos já estão recebendo esse imunizante”, disse a prefeitura em nota.

Campinas

A vacina bivalente começa a ser aplicada hoje (26) em todas pessoas a partir de 18 anos, informou a Secretaria de Saúde. “Não é necessário agendamento. As pessoas precisam levar documento com foto, CPF e carteira de vacinação (se tiver).”

Desde 27 de fevereiro, Campinas aplicou 86.389 doses da bivalente. Do totalidade, 44% (66.941) foram destinadas aos maiores de 60 anos. As demais vacinas foram recebidas pelos outros grupos prioritários, uma vez que imunossuprimidos e pessoas com comorbidades a partir de 12 anos.

São Bernardo do Campo

Em São Bernardo, o público a partir de 18 anos começa a ser vacinado a partir de hoje em suas 33 UBSs (Unidades Básicas de Saúde).

A vacina bivalente também pode ser aplicada em quem ainda não completou o ciclo vacinal e está com alguma ração de reforço em delongado, segundo o secretário contíguo de Saúde, Edson Nakazone. “De 5 a 17 anos, as doses de reforço aplicadas são das vacinas monovalentes”, completou.

São José dos Campos

A cidade começou a vacinar pessoas com 20 anos ou mais desde segunda-feira (24). Para pessoas sem comorbidade com 12 ou mais, a imunização com a bivalente começa na próxima terça-feira (2).

Santo André

A vacinação bivalente para pessoas supra de 18 anos começou hoje em Santo André. A imunização pode ser feita em todas as 34 unidades de saúde da cidade, de segunda a sexta, das 8h às 16h, sem urgência de agendamento.

Aos sábados e domingos é provável se vacinar em dois pontos de imunização drive-thru, no Carrefour (avenida Pedro Américo, 23 – Vila Humaitá) e na Craisa (avenida dos Estados, 2.195 – Santa Teresinha). O horário de funcionamento é das 8h às 18h e também não é preciso agendar.

Ribeirão Preto

A Secretaria de Saúde começou ontem (25) a imunização com a bivalente em pessoas com 18 anos ou mais. Mas só vale para quem já recebeu pelo menos duas doses de qualquer vacina contra covid-19 há pelo menos quatro meses.

São 37 salas de vacinação que não exigem agendamento, mas é necessário apresentar documento pessoal com foto e comprovante de residência de Ribeirão Preto, além dos comprovantes de vacinação das doses anteriores.

Osasco

Osasco ampliou a vacinação contra a covid com a bivalente na segunda-feira (24) para pessoas a partir de 18 anos com e sem comorbidade, informou a prefeitura.

“A meta de cobertura é de 505 milénio na população supra de 18 anos”, disse em nota.

Sorocaba

O município só vai liberar as vacinas a pessoas com 18 anos no dia 22 de maio. Até lá, a emprego será escalonada nas 33 UBSs:

Na terça-feira (2 de maio), receberão as pessoas a partir de 58 anos;

Na quarta-feira (3), a partir de 56 anos;

Na quinta-feira (4), para quem tem 53 anos ou mais;

Na sexta-feira (6), para 50 anos ou mais;

Na outra segunda-feira (8), o imunizante será para pessoas com 48 anos ou mais;

Na terça-feira (9), para 46 anos ou mais;

Na quarta-feira (10), para 44 anos ou mais;

Na quinta-feira (11), para 42 anos ou mais;

Na sexta-feira, (12), a partir de 40 anos.

Na segunda-feira (15), as pessoas com 38 anos ou mais;

Na terça-feira (16), 36 anos ou mais;

Na quarta-feira (17), para 34 anos ou mais;

Na quinta-feira (18), 32 anos ou mais;

Na sexta-feira (19), para 30 anos ou mais.

A partir da segunda-feira (22/5), a vacina estará liberada para todas as pessoas com 18 anos ou mais.

Mauá

A prefeitura começou ontem (25) a emprego do reforço com a bivalente para todos supra de 18 anos nas 23 UBSs da cidade, sempre das 9h às 16h. As unidades Flórida, Magini e Zaíra 2 funcionam das 9h às 20h. “É preciso levar documento com foto, CPF e o cartão de vacinação”, diz em nota.

Hoje, profissionais de saúde estarão na saída da estação Mauá da CPTM, na Rua Rio Branco, para emprego da vacina das 16h às 20h.



[ad_2]

Source link